Abril pro Rock 2006 – Pop up!

No Abril pro Rock do ano passado, parte da imprensa que circulava no pavilhão do Centro de Convenções fazendo cobertura do evento tentava decretar, frente atrações modesteas, a falência do festival. Avaliação bem precipitada. A 14á edição do festival deu a volta por cima no que parecia ser o pior contexto deles: um ano sem patrocínio privado. Mas, com a aprovação da Lei Rouanet e, pela primeira vez, um patrocínio grande da Petrobrás, o evento faz sua edição com o maior número de atrações internacionais. De quebra, volta ao posto entre os eventos de rock independente mais importante do País.

As novidades da edição 2006 começam na sexta-feira, que não terá mais a estrutura de dois palcos grandes. “Serão dois palcos menores, com outro jogo de iluminação e fumaça”, adianta o produtor do evento, Paulo André Pires. “De todo esse cenário pop, a música eletrônica foi o que mais cresceu nos últimos anos”, explica o produtor, para justificar a programação deste dia, que será toda com música eletrônica.

Os já divulgados Diplo (EUA), Stereo Total e Kook and Roxxy (ambos da Alemanha), se juntam a estranha presença dos DJs Igor Cavaleira (Sepultura) e João Gordo (Ratos de Porão). Não é a primeira vez que eles aparecem de DJs. O primeiro com set eletrônico, o segundo na onda rock anos 80. A noite vai servir para começar a empolgar o público para uma nova casa noturna que será inaugurada até o fim do ano. Tudo ainda em segredo.

Nos outros dois dias, o formato de shows normais voltam com Angra (SP) e a Orquestra Imperial (RJ) sendo as atrações principais. Ainda terá espaço para estréia da Maquinado, nova banda de Lúcio Maia (Nação Zumbi), e do também coletivo Lafayette e os Tremendões (RJ), com bandas cariocas fazendo cover de sucessos da década de 60 da Jovem Guarda. O Mutantes, que circulava como boato, realmente vai voltar. Mas os irmãos Sérgio Dias e Arnaldo Baptista se recusaram a fazer apresentações no Brasil em 2006.

Debute
O Abril pro Rock já está se programando para o aniversário de 15 anos, em 2007. “Estamos organizando um livro com a história do festival e também um DVD. Vamos querer ouvir todas as boas histórias que aconteceram no Abril pro Rock”, planeja Paulo André.

:: PROGRAMAÇÃO

Sexta: Diplo (EUA), Stereo Total (Alemanha), Kook and Roxxy (alemanha), Dj João Gordo (SP), DJ Igor Cavalera (SP), Montage (CE) e Bloco Mega Hits (PE)

Sábado: Angra (SP), Atrocity (Alemanha) Leaves Eyes (Alemanha), Forgotten Boys (SP), Cólera (SP), Lou (BA), Terraprima (PE), Ungodly (BA) e Medulla (RJ)

Domingo: Cachorro Grande (RS), Frank Jorge e Volver, Orquestra Imperial (RJ), Cidadão Instigado (CE), Lafayte os Tremendões (RJ), Camille (França), Parafusa (PE), Carfax (PE) Iupi (PE) e Maquinado (PE)

:: Leia também

• Abril pro Rock 2005

:: Cobertura Abril pro Rock 2005

• Primeiro dia
• Segundo dia
• Terceiro dia

Random Posts

  • Antônio Nobrega – Nove de Frevereiro – Pop up!

    Para atacar a valorização decrescente do frevo como ritmo principal do carnaval, Mário de Andrade foi, de certo, bastante econômico. […]

  • Pop up!

    Dezembro 11, 2007 | Author: Bruno Nogueira | Arquivar em: Coluna Banda guerrilheira de Curitiba (PR), o Terminal Guadalupe completa […]

  • Retrospectiva – Parte 1 « Pop up!

    Vocês lembram os principais festivais que passaram pelo Recife esse ano? Feira da Música http://www.youtube.com/watch?v=tWwn1y3mEfI Recbeat http://www.youtube.com/watch?v=RBflsMmMfAA Abril pro Rock […]

  • acústico « Pop up!

    May 26, 2007 16 Comentários Nando Reis está no top 10 dos artistas nacionais mais complicados de entrevistar. Depois de […]