Pop up!

Maio 10, 2007 | Author: Bruno Nogueira | Arquivar em: Coluna

Depois de visitar tantos festivais, ficou meio claro que aquele formato clássico de grande evento para 10 mil pessoas acabou. A tendência parece ser realmente diminuir. Perder o público interessado apenas na “balada”, para ficar aquele que gosta mesmo de música. As últimas três edições de eventos como o Porão do Rock, em Brasília, e o nosso Abril pro Rock, servem de exemplo de que quantidade de público não é mais equivalente à qualidade dos shows. Depois da queda de importância do disco, essa é a segunda mudança mais significativa desse novo tempo da música. O que significa que quem precisa dessa cadeia para sobreviver, vai ter que se adaptar. A maioria das bandas ainda não se adaptou a isso. Fazem …

Depois de visitar tantos festivais, ficou meio claro que aquele formato clássico de grande evento para 10 mil pessoas acabou. A tendência parece ser realmente diminuir. Perder o público interessado apenas na “balada”, para ficar aquele que gosta mesmo de música. As últimas três edições de eventos como o Porão do Rock, em Brasília, e o nosso Abril pro Rock, servem de exemplo de que quantidade de público não é mais equivalente à qualidade dos shows.

Depois da queda de importância do disco, essa é a segunda mudança mais significativa desse novo tempo da música. O que significa que quem precisa dessa cadeia para sobreviver, vai ter que se adaptar. A maioria das bandas ainda não se adaptou a isso. Fazem shows que são pura transposição do estúdio de ensaio. Sem atrativo visual ou o menor cuidado cênico. Até se tocarem dessa importância, devem perder bastante público e oportunidades de entrarem em festivais.

Vizinho hermano
Já pensou ser vizinho do Marcelo Camelo, do Los Hermanos? Isso não está longe de acontecer. Depois desse recesso da banda, ele está se organizando para vir morar aqui no Recife. Não fosse o bastante, já tem evento tentando marcar apresentação solo dele na região.


Novidade

O DJ Dolores já está com o disco novo finalizado. Ele adianta que as músicas estão bem diferentes do anterior Aparelhagem. Sem data certa para ser lançado, existe a chance do CD sair junto com um livro de ilustrações. Para quem não conhece, os ótimos desenhos de Dolores estão na última edição da revista Ragú.

Metal na TV
Agora, o público headbanger do Recife vai poder acompanhar um dos programas mais populares de Heavy Metal no Brasil. O Stay Heavy passa a ser exibido na região metropolitana pela TV Nova (canal 22 na grade aberta e 29 pela operadora Cabo+). O programa vai ao ar todas as segundas-feiras, das 19h às 20h.

Revistas
A história que corre, ainda nos bastidores, é que a revista Bizz deve sair de circulação de novo até o fim do ano. Enquanto eles ainda sofrem para conseguir um anunciante, a última edição da concorrente RollingStone veio com 54 páginas inteiras de propagandas. Este mês, a primeira também perdeu todos seus principais colaboradores para a segunda.

top_article_div-5008237

Random Posts