Camarones Orquestra Guitarrística @ Festival DoSol 2010 « Pop up!

cog-dosol-3313743

Camarones ao vivo no festival DoSol 2010. Foto de Rafael Passos

É fácil duvidar do potencial do Camarones Orquestra Guitarrística. Bom vendedor que é, o produtor potiguar e tecladista da banda Anderson Foca sempre fala de sua mais nova banda com tanta empolgação que deixa qualquer um com pé atrás. Chega uma hora que você cede ao pensamento “esse cara fala tanto que deve ter algo errado aí”. Isso, claro, para quem só escuta falar. Depois do intensivo que essa ano tem sido para a banda – estão chegando no show de número 60 em breve – quem fala hoje sobre o Camarones é a própria banda, ao vivo, no palco. Jogaram em casa e fizeram um dos melhores shows do festival DoSol 2010.

É impressionante o quanto a banda se transformou em apenas um ano. Se comparado com a apresentação que eles fizeram em abril – na programação paralela do Abril Pro Rock, última que vi – com essa, o avanço é assustador. Ganharam mais presença no palco e o impacto da parede sonora se tornou uma característica marcante do show. É possível dizer que, após os tropeços causados por vários fins inesperados e mudanças em bandas (e um certo afastamento do Calistoga para se aproximar a uma cena própria deles, dos vegan), Natal passa a ser muito bem representada mais uma vez na cena independente.

Tenho, inclusive, a impressão que o Camarones vai conseguir criar uma categoria nova de rock instrumental dentro dessa cena. Uma que é diferente da feita pelo Pata de Elefante e do Macaco Bong, que se aproxima “de leve” com que está começando a ser feito pelos baianos do Vendo 147. Não vou me aventurar em criar neologismos ou reinventar definições nessa altura do campeonato, mas me limitar a dizer a que, do começo ao fim, não tem uma música ruim em todo show. Comandar um público sem usar palavras não é tarefa fácil e quando levanta a bola, o Camarones só manda saques certeiros por trinta minutos sem interrupção. Daqueles que você segura até vontade de ir ao banheiro para ver o que acontece até o final.

Da mesma série

Random Posts

  • Pop up!

    21 Agosto, 2007 21 Agosto, 2007 14 Agosto, 2007 12 Agosto, 2007 11 Agosto, 2007 11 Agosto, 2007 11 Agosto, […]

  • Pato Fu – Toda Cura para Todo Mal « Pop up!

    “No supermercado / eu tento escolher / o mesmo sabor que você / deve gostar”. Os versos em “Anormal”, música […]

  • Das coisas grotescas – Pop up!

    Das coisas grotescas 7Feb2008 Seção: Blog Por: Bruno Nogueira Depois de inventar de distribuir a pílula do dia seguinte para […]

  • baterista « Pop up!

    Sep 15, 2007 1 Comentário Esse deve ser meu ano mais relapso com o Coquetel Molotov. Fiz cobertura dele desde […]