Entrevista – The Nation Blue « Pop up!

nation01-1574394

“The Nation Blue desafia você a ir ao show”. Essa frase encerra um pouco convidativo texto de introdução da banda de hardcore da Austrália The Nation Blue, que está para fazer a primeira turnê no Brasil neste segundo semestre. Com a ajuda dos cariocas do Jason – que agora conta com o ex-Los Hermanos Barba na bateria – eles conseguiram datas em quase todo o Nordeste, além das apresentações no Sudeste do país. O mesmo texto de apresentação começava assim: “The Nation Blue é perigoso. Suas apresentações ao vivo envolvem guitarras quebradas, cabeças sangrando e ossos quebrados”.

A ilha da Austrália é um pequeno paraíso para os fãs de rock. A cidade de Melbourne tem uma avenida chamada “AC/DC”, vários bares e casas de shows que recebem entre 600 e 3000 pessoas; rádios que tocam as bandas locais “e muita coisa gay, como Panic! At the Disco e My Chemical Romance”, segundo o baixista Matt. Quando a banda abriu a turnê que o Foo Fighters fez por lá, Matt fraturou um osso da perna no palco e se recusou a sair. Teve que ser carregado a força pela ambulância.

Para tentar segurar o público sozinho no palco, junto o baterista, o guitarrista Tom Lyngcoln bateu com a cabeça na guitarra e ficou coberto de sangue. Mais tarde, numa entrevista a uma rádio local, David Grohl disse “bem, eu adoro o ACDC, mas acho que o Nation Blue está tomando conta da história agora”.

Conversei com Matt pela Internet sobre o show. A entrevista você confere abaixo:

nation02-9419512

:: Porque o Brasil? O que vocês esperam encontrar aqui?
Diversão! Vai ser uma diferença enorme para nós em relação a Austrália. Quero tocar e conhecer novas pessoas, ter diferentes experiências. Vamos nos divertir muito mesmo que ninguém vá para o show. Já fui ao Brasil antes, mas só fiquei poucas semanas, agora quero ficar por seis meses.

:: Você veio tocar ou só passear?
Só passear. Fui a Natal e Fortaleza ano passado. Meu tio é brasileiro e mora em Belo Horizonte. Também fui lá e ao Rio de Janeiro.

:: E você foi a algum show de rock quando esteve aqui?
Só um. Acho que era uma banda de São Paulo, se chamava Cachorro Grande (Huge Dog), não tenho muita certeza

:: E gostou?
É, foi bom

:: Pareceu mais uma resposta política
hahaha

:: E que outras bandas daqui você já ouviu?
Gyspsy Kings, hahaha. Sepultura e através do Jason pude conhecer outras bandas muito boas que espero poder encontrar quando estiver ai, como o Ratos de Porão. I LOVE GORDO FREAK SHOW! Assisti quando estive ai, me diverti muito e eu nem entendo português.

:: E como é para as bandas ai na Austrália?
Temos muitos clubes aqui, onde você pode beber a noite inteira. Muitas bandas dos EUA e Europa vem se apresentar aqui, é uma cidade bastante ocupada. Mas, como o Brasil, a Austrália não é um país muito grande para se fazer turnês. São poucas capitais, sem falar que toda nossa população caberia no Rio de Janeiro.

:: Como vocês lançam a música de vocês ai?
Tem alguns selos aqui. Estamos conversando com um grande, então os dedos estão cruzados, mas não temos nada definido.

:: E no show daqui vocês vão trazer CDs?
Com certeza. CDs e camisas. Acho que nosso disco mais novo não vai ter saído da fábrica em tempo, mas vamos levar os anterioes

— The Nation Blue se apresenta dia 02 de agosto no Burburinho (Recife) e dia 05 no Festival DoSol (Natal)

Random Posts