Metaleiro do brega « Pop up!

Passeio estranho dentro de um Jardim Brasil I / Estrada de Belém, sentido Olinda. Carro vazio até que, no centro, sobe uma verdadeira figura. Era um tipo “metaleiro-matéria-da-Gloria-Maria”. Cabelo grande, pintado de vermelho em camadas. Jeans enfiado no coturno, jaqueta de caveira, cara fechada, sempre com pose de mal. Ele chega cantarolando baixinho uma música do Iron Maiden, no melhor estilo agudo do Massacration.

De repente, ele pede parada e se prepara para descer. O cara estava segue em direção ao Chevrolet Hall, para a gravação do DVD de Saia Rodada. Ainda cantarolando a mesma música do mesmo Iron Maiden. Com o trânsito devagar, a cena parece acontecer em câmera lenta, enquanto ele dobra na entrada da casa de shows. Então, no vazio do ônibus, dá para começar a pensar num sentido bastante estranho da associação entre o heavy metal e satanás.

Aniversário
O Novo Pina completa seis meses de resistência este fim de semana. A casa conseguiu remar contra uma maré braba e se tornou um dos poucos focos de público no Recife Antigo. No último sábado, pelo menos umas trezentas pessoas circulavam na rua da Moeda, graças ao show do Astar e Amps & Lina que rolou lá.

Microfonia
Esta é a última semana para se inscrever no festival Microfonia. Tocar no Abril pro Rock chega parecer pouco, se considerar que, de quebra, sua banda leva 20 horas no estúdio Mr. Mouse, R$ 4 mil, e ainda fotos de divulgação e um videoclipe. Pacote completo de profissionalização. Os interessados devem levar material até a faculdade Aeso.

Coquetel
Os ingressos para o festival Coquetel Molotov já estão à venda nas lojas Vivace (Shoppings Recife e Plaza). São R$ 20 para assistir aos oito shows, dois deles internacionais, num teatro que tem a melhor acústica da cidade. Pode dizer o que quiser, menos que não vale a pena. Até porque estudante só paga R$ 10.

Random Posts