Sweet Fanny Adams | Pop up!

  • Blog
  • Reportagens
  • Discos
  • Downloads
  • Sobre o site e o autor

08/11/2010
sfa-dosol-9640795 Sweet Fanny Adams ao vivo no DoSol. Foto de Rafael Passos

A primeira vez que eu vi um show da Sweet Fanny Adams – que também era uma das primeiras vezes que eles começavam a se apresentar – a banda parecia uma péssima aposta para boa parte dos observadores. Eles demoravam uma eternidade entre cada música, recheando o show com silêncio e desconforto. É difícil até dizer que essa banda que tocou na primeira noite do festival DoSol é aquela mesma que tentava arriscar uma vaga no Abril Pro Rock em um concurso para estudantes. Depois de circular por todo o Brasil, aparecer em vários festivais e até arriscar um show em Nova York no CMJ, a Sweet Fanny Adams chegou naquele ponto ideal em que até uma apresentação ruim deles é muito boa.

Não que o show do festival DoSol tenha sido ruim. Mas resgatou um pouco da lembrança dos primeiros meses de vida da banda. Recheado de covers que demandam uma boa bagagem de um público bem jovem, a presença de músicas de Echo and the Bunnyman mostra que o atual ócio da banda, que diminuiu bastante o ritmo de apresentações, não parece estar sendo gasto em novas músicas ou um possível novo álbum. Por hora, isso parece fazer a alegria de um parte mais velha do público presente, que curtiu bastante as versões, e também do mais novo, que canta tudo que é do Sweet Fanny Adams.

É possível que a sensação de desperdício possa ter sido sentida por mais alguém além de mim. Existe demanda e uma simpatia enorme pelo Sweet Fanny Adams no Nordeste (e, ok, fora dele também. Mas vamos começar pequeno aqui). Canções como “Hate Song #3″ já soam como clássicos e mesmo as mais recém lançadas são acompanhadas pelo coro do público. As pessoas gostam de dançar e o bom humor deles no palco contagia. Tudo isso sempre pede por mais. Talvez o período de troca de bateristas é que esteja atrasando isso, mas a participação de Gerardo nesse show pode indicar que a busca por um novo integrante já acabou.

Parece brincadeira dar todo esse rodeio na necessidade por “mais sweet fanny adams” para concluir, também, que levar a carreira a sério demais pode ser um passo perigoso para eles. O clima de diversão é fundamental em cada segundo do show. O descompromisso deles é um verdadeiro convite a festa. Encontrar o balanço perfeito entre esses dois mundos parece ser um bom combustível para incentivar a banda.

Written by Bruno Nogueira 3 Comments Posted in Blog Tagged with Cobertura, Festival DoSol, Sweet Fanny Adams 13/10/2009

Uma das bandas favoritas aqui do Pop up está de malas prontas para se apresentar pela primeira vez em Nova York. A Sweet Fanny Adams vai se apresentar no CMJ Music Marathon, junto com a River Raid. O CMJ, por sinal, está lançando uma coletânea especial apenas com bandas de Pernambuco e da Bahia e eu acabei participando da conversa que ajudou a definir ambas as listas. Para quem não conhece o festival, já passaram por lá nomes como Arcade Fire, Beastie Boys, Brian Wilson, David Bowie, The Killers, REM, TV on the Radio, Strokes, Guided by Voices, Wilco e Rage Against the Machine. Tá de bom tamanho, né? Tomara que não seja apenas uma passagem pontual e eles aproveitem para trazer boas notícias de lá!

Written by Bruno Nogueira 6 Comments Posted in Blog Tagged with CMJ, Recife, Sweet Fanny Adams 28/05/2009

A Sweet Fanny Adams volta a dar notícias. Depois de emplacar o hit C’Mon Girl na série Alice, eles vão virar trilha mais uma vez. A banda é uma das convidadas para o novo seriado que a MTV Brasil vai lançar esse semestre, chamado Descolados. O nome é terrível, quase sugerindo uma versão da novela Malhação do canal de Clipes, mas pela sinopse, as histórias contadas parecem ser mais interessantes. A série vai se passar na noite de São Paulo, mostrando a vida de alguns amigos que vivem o cotidiano das boates da maior cidade do país.

O investimento é grande. Pelo que tem sido dito em jornais e sites, os primeiros 13 episódios da temporada piloto vão custar R$ 5 milhões. Apesar da produtora por trás ser grande, o dinheiro vai ser todo investido em atores novos e desconhecidos. E em bandas novas para fazer a trilha também! A música da SFA se chama The Last Sunny Day of the Year. Teve mixagem de Rodrigo Coelho (que já assinou o EP anterior deles) e masterização de Felipe Tichauer, em Miami. Segundo a banda, um EP novo deve ser lançado em junho.

Sweet Fanny Adams – The Last Sunny Day of the Year – 2.24 MB
Downloads: 338

Coelho é o responsável por toda a trilha sonora da série e, ao que tudo indica, várias outras bandas pernambucanas devem entrar na série, como Amp, River Raid, Karina Buhr e Chambaril.

Written by Bruno Nogueira 3 Comments Posted in Blog Tagged with MTV, Sweet Fanny Adams 28/05/2009

irmaos-4887041

Além da programação de conferencistas, que já falei aqui no Pop up (representantes do SXSW, LastFM, Sire Records, só para listar alguns), e dos showcases que saiu recentemente no site oficial (Curumin, Mad Professor, Burro Morto, entre outros), o Porto Musical vai hospedar uma das reuniões anuais da Associação Brasileira dos Festivais Independentes (Abrafin). Aproveitando a passagem de produtores de eventos em todo o país, acontece na cidade mais uma vez a “Noites Abrafin”, este ano em parceria com a turma do Fora do Eixo.

Quem produz as três noites, que terão basicamente bandas do Nordeste – a exceção é a Dimitri Pellz do Mato Grosso do Sul – é a turma do Lumo Coletivo. Eles descolaram o palco no primeiro andar do bar Burburinho, perto de onde tudo acontece no festival. A ótima programação encerra com as três melhores bandas de rock da cidade – Vamoz, Amp e Sweet Fanny Adams – e também apresenta o novo som da Nublado (PB) e Rejects (RN), que foram citadas recentementes aqui no blog.

Dia 18 23:30 Amps & Lina (PE) 00:10 Calistoga (RN) 00:50 Irmãos da Bailarina (BA)

01:30 Sweet Fanny Adams (PE)

Dia 19 23:30 Nuda (PE) 00:10 Nublado (PB) 00:50 Reject (RN)

01:30 Vamoz (PE)

Dia 20 23:30 Candeias Rock City (PE) 00:10 Plastique Noir (CE) 00:50 Dimitri Pellz (MS)

01:30 Amp (PE)

Written by Bruno Nogueira 12 Comments Posted in Blog Tagged with Abrafin, Amp, Amps & Lina, Calistoga, candeias rock city, dimitri pellz, irmãos da bailarina, Lumo, Nublado, Nuda, plastique noir, Porto Musical, rejects, Sweet Fanny Adams, Vamoz 12/03/2009

Lembra do Musificando? A promoção do MySpace que eu falei outro dia aqui no Pop up? Agora a maior rede social de música do mundo me convidou para “apadrinhar ” uma banda para ela concorrer aos prêmios. Resolvi escolher a Sweet Fanny Adams, que deve ter sido, das novas bandas, a que eu mais falei aqui no site e permanece como uma das minhas apostas do rock de Recife desde a aparição delas no concurso Microfonia.

Não tem muito mistério. Adiciona eles lá como amigos no site (www.myspace.com/sweetfannyadamsmusic) que a contagem já começou. No final do processo se eles tiverem muitos amigos o Pop up ganha um destaque na primeira página do MySpace e eles entram na disputa pelos prêmios. Quem ainda não conhece a banda – eles tocaram em vários festivais independentes nos últimos dois anos, lançaram um EP pela Midsummer Madness e ainda estão na trilha da série Alice – basta seguir a tag aqui no Pop up e dar uma conferida!

Written by Bruno Nogueira 1 Comment Posted in Blog Tagged with Musificando, myspace, Sweet Fanny Adams eu-9446666 Jornalista, professor, pesquisador e pai. Música, mídia, redes sociais… e boa gastronomia! 🙂

Random Posts